H1,H2 E H3: o que são heading tags e como usá-las em SEO

H1, H2 E H3: o que são heading tags e como usá-las em SEO

Você já viu ou ouviu falar sobre as heading tags? Esses recursos são fundamentais para posicionar um site entre as primeiras posições dos buscadores. Muitos as vêem como detalhes, mas elas fazem muita diferença na estratégia de SEO.

As heading tags são recursos de programação HTML – códigos usados para a construção e estruturação de sites. Esse termo em inglês pode parecer difícil, mas entender sua aplicação é bem simples! 

São utilizadas para organizar os conteúdos em uma página na web, destacando títulos e subtítulos. Com as heading tags é possível fazer uma hierarquia de informações, entre as mais importantes para o usuário e as menos impactantes.

Elas são fundamentais, especialmente, para evitar conteúdos maçantes, confusos e sem divisões claras. É comum encontrar textos com essas características pela internet, o problema é que, além de desestimular o leitor a continuar na página, é um ponto negativo para a avaliação dos algoritmos. 

Saiba mais sobre estes recursos e aprenda a usá-los agora mesmo. As heading tags são códigos que parecem inofensivos, mas são muito poderosos e deixar de usá-los pode ser fatal para sua estratégia de SEO.

Então, acompanhe para saber tudo sobre a estruturação de conteúdos feita por meio das heading tags.

O que são as heading tags?

As heading tags são os títulos e subtítulos adicionados aos conteúdos para facilitar a leitura dos usuários em um site ou blog. Para facilitar o entendimento, vamos dar um exemplo claro:

Quando as pessoas estão desenvolvendo um grande trabalho na plataforma Word – ou similares – elas dividem o texto em subtítulos, criando um sumário. Então, o conteúdo é estruturado em Título 1, Título 2, Título 3, Título 4 e assim por diante.

Com essas divisões o conteúdo fica mais organizado, colocando as informações em ordem de prioridade, facilitando o entendimento das pessoas. As heading tags funcionam dessa mesma forma!

Ao invés de Títulos, em sites e blogs, essa estruturação é feita pelos códigos H1, H2, H3 e assim sucessivamente. A letra H antes dos números se dá pela abreviação da palavra em inglês header, que em português significa cabeçalho.

Desta forma, atualmente, existem seis Heading Tags – as quais vão da H1 ao H6, de acordo com a hierarquia do conteúdo. O H1 é o título principal, H2 o subtítulo, assim em diante até o H6, com as informações de menor importância. 

Exemplo: H1: Brasil, H2: São Paulo, H3: São Caetano do Sul, H4: Bairro Santa Paula, H5: Rua Marechal Deodoro. Com essa estruturação, os usuários conseguem entender o conteúdo com mais facilidade, além de ir direto nas informações que precisa. 

Dessa forma, fica mais fácil para os leitores navegarem pela página e entender do que o texto se trata. Mas não é só isso: as heading tags também facilitam o trabalho dos algoritmos e com isso, os sites que as utilizam são ranqueadas em posições melhores.

Isso porque os robôs do Google conseguem identificar mais rapidamente do que o conteúdo. As heading tags também melhoram a experiência do usuário, o que é uma das prioridades do buscador.

Então usá-las é mais do que fundamental! Confira como.

Como usar as heading tags

O principal ponto é usá-las na ordem de prioridade correta, como explicado acima. O H1, então, deve ser a tag com o destaque maior, então use uma fonte maior e coloque em negrito.

O H1 deste conteúdo é o “ H1,H2 E H3: o que são heading tags e como usá-las em SEO”. Perceba como a frase se destaca na nossa página, essa frase precisa estar bem visível.

A tag H1 é um importante para que o Google e usuários entendam o principal assunto do conteúdo. Para SEO, a palavra-chave deve sempre estar no H1.

Já o H2 e H3 são os subtítulos dos conteúdos. Para SEO, é importante que a palavra-chave ou suas variações complementares estejam presentes neles. Não force a barra, a menção precisa ser natural, uma por subtítulo é o suficiente.

As H4, H5 e H6 costumam ser usadas apenas em conteúdos mais extensos. Muitas vezes são utilizadas pela estética, para não deixar nenhum tópico muito grande e maçante. 

Colocar as palavras-chaves nesses tópicos também é importante para melhorar o ranqueamento da página. Procure variar os termos entre os subtítulos e não usar apenas a mesma palavra-chave em todos.

Simples, não é mesmo? É até algo intuitivo. Naturalmente, ao escrevermos um conteúdo, separamos os tópicos. O diferente aqui é apenas o código de HTML com a letra H.

Conheça a ROI Mine

Somos uma agência de marketing digital em São Caetano do Sul especializada em SEO. Nossa equipe é preparada para traçar as melhores estratégias da área e colocá-las em prática com excelência.

Por isso, nossos conteúdos são sempre otimizados para SEO, com heading tags bem posicionadas. Se sua empresa está precisando de uma equipe especializada para posicionar seu site entre as primeiras posições, conte com a gente!

Nossos redatores produzem conteúdos exclusivos, bem estruturados e otimizados com todas as práticas de SEO. O resultado será uma consequência! 

Entre em contato conosco.