5 passos para criar a identidade visual da sua marca

5 passos para criar a identidade visual da sua marca

Por ROI Mine

Ao montar uma empresa, muitos pensam na estrutura, localização, valores, atendimento, produtos ou serviços a serem oferecidos e se esquecem de um fator importante para gravar a marca na cabeça das pessoas: a identidade visual!

A identidade visual deve representar a empresa, fixar a marca na mente dos consumidores e passar (por meio de elementos, tipografia e cores) os valores e a ideologia da empresa. 

Por isso, é tão importante pensar, planejar, conceitualizar e produzir essa ferramenta com cuidado e atenção.

Como uma empresa de marketing digital, nós podemos te ajudar a entender melhor sobre o que é identidade visual e como é o processo para criar a identidade da sua marca.

Se você quer fazer uma identidade visual para a sua empresa, mas não entende sobre o assunto, confira este conteúdo com os 5 passos que você deve seguir para criar a identidade visual perfeita para a sua marca! 

 

O que é identidade visual 

Antes de saber o passo a passo para criar identidade, é necessário compreender o seu conceito. 

A identidade visual é como a marca é percebida e lembrada pelos clientes! Por exemplo, quando alguém diz “Apple”, a primeira coisa que vem na mente é o logo da maçã e não necessariamente os produtos da marca. Ou seja, são os elementos que representam visualmente, o nome, ideia, produto e valores da empresa.

Os elementos da identidade visual são diversos, como: logomarca, tipografia, cores, imagens de posts nas redes sociais, avatar, capa, assim como materiais de divulgação (flyers, cartazes e outdoors).

 

Por que ter uma identidade visual?

Como foi dito, é por meio dela que as pessoas se lembram das empresas. Mas, de forma subjetiva, a identidade visual é responsável por gerar identificação, confiança, sensação de pertencimento e engajamento por parte do público em relação à marcas. 

Com isso, a marca ganhará um espaço na memória dos clientes e o processo de escolha pela marca será praticamente automático. 

 

Conheça quais são os principais passos para criar a identidade visual da sua marca

Agora que o conceito e sua importância já foram esclarecidas, confira os 5 passos que te ajudarão a criar uma identidade visual bem planejada e produzida.

 

Passo 1: Briefing

O briefing é o ponto de partida para diversos projetos nas agências de comunicação e de marketing

É um documento que consiste basicamente em um questionário (bem parecido com uma entrevista com a marca) que deve levantar pontos importantes para a criação de algum projeto – seja um site, uma campanha ou uma identidade visual, por exemplo.

Briefings devem definir diversas informações importantes para o processo de criação, porém, quando se trata de identidade visual, o principal ponto é deixar claro a forma como a marca se posiciona e como ela quer ser vista. 

Além disso, é fundamental levantar qual a intenção (demonstrar requinte, modernidade e posicionamento de mercado), quais são os diferenciais da marca, qual o seu público-alvo (idade, sexo, classe social), cores que devem ser evitadas, palavras que definem a empresa, qual o orçamento disponível e o prazo de entrega. 

Lembre-se: sem o briefing não é possível criar uma boa identidade visual para a marca! 

 

Passo 2: Brainstorming

Brainstorm é um termo em inglês que significa “tempestade de ideias” e este processo consiste, como o nome sugere, em um momento com várias pessoas para coletar ideias. 

O brainstorm é uma reunião para que todos possam sugerir ideias – desde as mais sofisticadas até as mais excêntricas. Por isso, é preciso ter diversas pessoas para solucionar um problema!

Essa técnica é importante para encontrar possíveis modelos de marcas e elementos visuais que, de acordo com o que foi levantado até então, reflitam objetivos definidos no briefing.

 

Passo 3: Definir elementos 

Após coletar todas as ideias, é hora de começar a moldar a sua identidade visual. 

É preciso ter cuidado ao escolher cor, fontes e formas. Isso porque essas escolhas não são definidas só para cumprir com as questões estéticas. 

Os elementos têm significados que, se escolhidos de forma equivocada, podem passar a mensagem errada sobre a empresa. 

Entenda melhor a função de cada um desses elementos:

  • Cores – usar uma boa paleta de cores é muito importante, esse elemento tem grande representatividade comercial para a empresa. 

    As cores são capazes de criar sensações e despertar sentimentos nas pessoas. Por isso, são poderosas e devem ser estudadas com cuidados, já que cada uma tem um significado;

  • Fonte: as fontes também passam sensações. As  serifadas, por exemplo, são compostas por traços e extensões no final das letras e passam uma mensagem de sofisticação e tradicionalismo. 

    Caso a empresa seja segmentada para um público mais jovem, esta fonte não faz sentido e não será de fácil identificação com o público-alvo. Ou seja, é extremamente importante saber escolher bem esse elemento se quiser que o público alvo dedique atenção a sua marca;

  • Formas: Parece apenas um detalhes, mas as formas também têm significados. 

    Você sabia que os quadrados podem representar racionalidade, neutralidade, e objetividade? E sabia que o círculo passa a ideia de infinito e atemporal? Já o triângulo representa crescimento, harmonia e proporção.Esses são alguns dos significados de cada forma. Não são apenas linhas!

    Ainda assim, é interessante observar que a simples inclinação de uma linha pode passar a ideia de agilidade ou movimento (elemento muito usado em marcas de esportes, por exemplo).

 

Passo 4: Contrate um designer

Este passo é essencial para a criação de uma boa identidade visual!

Após reunir ideias, definir os elementos e ter tudo em mente, um profissional na área saberá juntar tudo e indicar qual o melhor caminho a seguir. 

Para fazer essa contratação, há a opção procurar por um freelancer ou por uma agência.

Certamente, escolhendo a segunda opção você terá mais êxito em seus objetivos, porque terá uma equipe de profissionais com atendimento qualificado, redatores, planejamentos e designers. 

 

Passo 5: Testes e mais testes!

É importante realizar testes e adaptar a identidade sempre que necessário! 

Os elementos precisam ficar perfeitos em todos os materiais de divulgação em todos os tamanhos e layouts (tanto online quanto offline). 

Sua decisão deverá ser baseada na funcionalidade e não somente na beleza do produto! 

Entre em Contato


Cadastre-se para receber
informações que te ajudarão
a se destacar no mercado